Dermatite da Fralda

A dermatite da fralda, ou o conhecido “rabinho assado” é um dos problemas cutâneos mais frequentes na infância, podendo afetar qualquer criança, em qualquer zona da pele que contacte diretamente com a fralda, nomeadamente as nádegas, os genitais, as virilhas, a região superior das coxas e até na parte inferior do abdómen. Estima-se que a dermatite da fralda, afete cerca de 60% dos bebés, sobretudo entre os 9 e os 12 meses de idade.
O aparecimento de vermelhidão (eritema) é um dos primeiros sinais de que o rabinho do bebé está inflamado: a pele fica irritada, seca e macerada.
São diversos os fatores que podem contribuir para a dermatite da fralda, tais como:

  • A fralda: a fricção da fralda contra a pele do bebé ou a fralda muito apertada, por vezes, pode ser o suficiente para causar irritação na pele. Adicionalmente o uso de roupa muito apertada pode provocar mais atrito e consequentemente irritar a pele;
  • Contacto prolongado com a urina e as fezes: a urina acumulada na fralda liberta uma substância química, a amónia, que vai destruindo a barreira natural da pele, causando vermelhidão e irritação. O mesmo efeito agressivo têm as enzimas existentes nas fezes (urease), sobretudo em caso de diarreia. Assim, quanto mais tempo o bebé ficar com a fralda molhada ou suja, maior a probabilidade de aparecer ou agravar a inflamação;
  • Introdução de novos alimentos na dieta do bebé: a partir dos quatro meses: até então, o bebé apenas se alimentava de leite, e os alimentos mais sólidos, introduzidos nesta fase, alteraram o conteúdo, forma e textura das fezes, podendo torná-las mais agressivas para a pele do rabinho. Quando é amamentado, também pode, nalguns casos, surgir dermatite se a mãe ingerir alimentos ácidos, como por exemplo, o tomate;
  • Toma de certos medicamentos: como os antibióticos por exemplo, pelo bebé ou pela mãe se está a amamentar, podem perturbar o equilíbrio da pele, deixando-a vulnerável à ação de microrganismos como algumas bactérias e fungos;
  • Alguns produtos utilizados na higiene do bebé, tais como toalhitas que contenham álcool na sua composição, ou alguns tipos de loções, óleos e até mesmo fraldas.

 

Sabia que...
Tanto as fraldas descartáveis como as de pano podem provocar alergias - as primeiras pelos seus componentes sintéticos, as segundas devido ao facto de alguns detergentes ou amaciadores utilizados para as lavar poderem irritar a pele.

 


© 2021 Pharma4u. All Rights Reserved. Design by JM
Newsletter Pharma4u

Preencha os seus dados e clique em “Enviar” para receber directamente no seu mail todas as novidades e campanhas da Pharma4u.