Índice Botânico - G

Garcínia
Utiliza-se a casca seca e a polpa do fruto. É constituída por ácido hidroxicítrico, lactonas hidroxicítricas, antocianósidos, compostos fenólicos e sais minerais. Apresenta as seguintes propriedades: No controlo do apetite; Em caso de obesidade; Nas hiperlipidémias.

 

 

Genciana
As partes mais utilizadas são as folhas e raízes para fazer infusões. Os seus principais constituintes incluem genciopicrina, amarogentina, gentianina e taninos. Apresenta as seguintes propriedades: Estimulante das secreções gástricas; Útil em problemas digestivos e falta de apetite; Anti-inflamatório; Nas flatulências; Nas disquinesias biliares; Cicatrizante e imuno-estimulante.

 

 

Gilbardeira
São utilizados os rizomas e as raízes. Os principais constituintes são os saponósidos (em particular a ruscogenina), flavonóides, sais de potássio e óleo essencial. Apresenta as seguintes propriedades: Nas insuficiências crónicas venosas, com dor, peso, prurido e edema nas pernas; No tratamento das hemorróidas; Nas afeções urinárias, por aumentar a diurese; Nas inflamações pélvicas.

 

Ginkgo Biloba
É constituída por ginkgólidos A, B,C J e M, flavonóides e biflavonóides, proantocianidinas, glúcidos, ácidos gordos, fitoesteróis e sesquiterpenos. São utilizadas as folhas e apresentas as seguintes propriedades: Antioxidante; Útil em problemas cognitivos e de memória associados à idade; Inibem a agregação plaquetar, prevenindo a formação de coágulos; Alívio dos problemas circulatórios, em particular a nível cerebral; Útil na claudicação intermitente; Em caso de dor de cabeça e ansiedade, resultantes da insuficiência vascular cerebral; Útil em caso de tonturas ou de zumbidos.

 

Ginseng
Utiliza-se a raiz, sendo esta constituída por saponósidos triterpénicos tetracíclicos poli-hidroxilados, tendo-se descrito já vários ginsenósidos (Rb, Rb2 e Rg1, são os principais). Possui também glúcidos, fitoesteróis, vitaminas do complexo B, óleo essencial, péptidos, poliinas, hidrocarbonetos e álcoois sesquiterpénicos. Apresenta as seguintes propriedades: Aumenta a capacidade de resistência às doenças e ao stress; Efeito tonificante generalizado; Aumenta a longevidade e o crescimento das células normais; Ação antiviral e antiagregante plaquetar; Tónico cardíaco; Agente anti-stress e como um estimulante do sistema imunitário; Aumenta as performances físicas e intelectuais; Útil em indivíduos com um ritmo de vida acelerado, convalescentes, no cansaço geral e na impotência sexual.

 

Goji (Bagas)
As bagas do goji são utilizadas para fins terapêuticos, porque são compostas por polissacarídos e proteoglicanos, carotenóides (zeaxantina), flavonóides glicosilados (quercetina), ácidos fenólicos (p-cumárico, cafeico, vanílico), entre outros. Propriedades: Tónico; Útil em casos de fadiga e esforço; Útil em regimes para baixar os níveis de glicose; Útil em regimes para baixar os níveis de lípidos; Antioxidante; Favorece uma sensação de bem-estar geral.

 

Graviola
São utilizadas as folhas, sementes e os frutos. É constituída por lactonas, alcalóides e acetogeninas anonáceas. Apresenta as seguintes propriedades: Coadjuvante em situações neoplásicas;Inibidora da cadeia respiratória do Complexo I (em células neoplásicas); Vermífugo; Antiespasmódica. Como também é um estimulante uterino, não deve ser utilizado por grávidas. Os hipotensos também devem evitar o seu consumo.

 

 

Grifonia
Esta planta aumenta a atividade da serotonina, uma hormona produzida pelo cérebro que está diretamente envolvida com o humor, sono e apetite. A diminuição de serotonina tem sido associada à depressão, insónia, transtornos obsessivo-compulsivos, assim como os distúrbios alimentares que causam obesidades, ou o inverso, a bulimia. O 5-HTP (aminoácido) é o principal constituinte ativo da semente. Útil em casos de depressão e ainda auxiliar na ação dos antidepressivos tradicionais.

 

Groselheiro
São utilizados os frutos (bagas), as folhas e os rebentos. As folhas contêm numerosos flavonóides, pequenas quantidades de óleo essencial, prodelfinidóis, taninos, vitamina C e minerais. Os frutos são ricos em antocianósidos, flavonóides, pectinas, taninos, teor elevado em vitamina C, sais de potássio, glúcidos e sais orgânicos.
As folhas apresentam as seguintes propriedades: Diurético; Acção adstringente; Estimulam as glândulas supra-renais; Na hipertensão; Na artrite e gota; Topicamente, em feridas, ulcerações e faringites.
Os frutos (bagas) apresentam as seguintes propriedades: Diurético; Na fragilidade capilar e microangiopatias retinianas; Na tosse, gripe e constipações (devido à vitamina C); No reumatismo gotoso.

 

Guaraná
São utilizadas as sementes sendo estas constituídas por cafeína, vestígios de teofilina e de teobromina, taninos catéquicos, saponósidos, colina, resina, mucilagens, pigmentos e amido. Apresenta as seguintes propriedades: Estimulante; Diminui a fadiga motora e psíquica; Aumenta o metabolismo das gorduras; Tónico e energético; Diurético; Afrodisíaco; Útil em dietas de emagrecimento e em casos de fadiga.


© 2022 Pharma4u. All Rights Reserved. Design by JM
Newsletter Pharma4u

Preencha os seus dados e clique em “Enviar” para receber directamente no seu mail todas as novidades e campanhas da Pharma4u.